«

»

dez
10

Obra da Petrobras abre 1.000 empregos no litoral

Nova estrutura para escoar petróleo começa a ser construída em 2013, mas contratação será este ano

A Transpetro, braço de logística da Petrobras, anunciou a contratação de até 1.000 trabalhadores para a construção de um novo píer no terminal marítimo Almirante Barroso, em São Sebastião, no Litoral Norte. A empresa se comprometeu a priorizar mão de obra regional para o preenchimento das vagas. As contratações estão previstas para começarem a partir do segundo semestre. Já as obras devem ser iniciadas em 2013.

Atualmente, o projeto da construção do píer passa por avaliações da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) e da Secretaria de Meio Ambiente de São Sebastião. A expectativa é que as licenças ambientais e de construção sejam concedidas ainda no primeiro semestre. “Estamos começando a análise, com as primeiras reuniões. A Petrobras está tentando acelerar o processo, mas temos que analisa-lo bem, pois é um projeto bem agressivo”, disse o secretário de Meio Ambiente de São Sebastião, Eduardo Hipólito do Rego.

Debate. Uma reunião foi feita na última quinta-feira para discutir o projeto. Em março, outra audiência com participação de autoridades, especialistas e sociedade civil será realizada. O píer atual está localizado ao lado do porto de São Sebastião, onde atualmente quatro navios da Petrobras atuam em uma área de 2.000 metros de extensão.  O projeto prevê a construção de uma estrutura de mais 1.900 metros, com capacidade para abrigar mais dois navios a 600 metros da praia.

A obra tem o objetivo de melhorar a logística de suprimento de petróleo para as refinarias da Petrobras em Paulínia (Replan), São José dos Campos (Revap), Presidente Bernardes (RPBC) e Capuava (Recap), além de diminuir o tempo de espera dos navios no canal da cidade.  O investimento para o píer não foi divulgado pela estatal.

Contratações. Com expectativa de contratar 70% de mão de obra local, a construtora que vencer a licitação para trabalho deve utilizar o cadastro dos PATs (Postos de Atendimento ao Trabalhador) (veja quadro nesta página). Alteração. A Companhia Docas, administradora do porto de São Sebastião, reviu o cronograma de ampliação do terminal, que deve triplicar de tamanho até 2035.
Se antes, metade do projeto ficaria pronto até 2014, agora, a previsão de início da primeira parte da ampliação da área é 2015 com finalização em 2019.

Com um investimento de R$ 2,5 bilhões, o novo porto deve gerar 2.460 empregos e auxiliar na logística de produção de petróleo proveniente das bacias do pré-sal.

VAGAS
Transpetro estima a contratação de 1.000 trabalhadores para construção de novo píer em São Sebastião

Reforço
Empresa contratada para realizar a obra deverá priorizar mão de obra local

Emprego
Contratações devem começar a partir do segundo semestre deste ano

Onde concorrer
PATs da região deverão abastecer construtora responsável pela obra

PAT de São Sebastião
Centro: Rua João Cupertino dos Santos, 245
Telefone: (12) 3892-4606 / 3892-1600
Costa Sul: Avenida Walquir Vergani, 79, Boiçucanga
Telefone: (12) 3865-3656
Costa Norte: Enseada, rua Olavo Bilac, 390
Telefone: (12) 3861-1424

PAT Caraguá
Rua Taubaté, 520
Telefone: (12) 3882-5211

PAT Ubatuba
Rua Esteves da Silva, 51, Centro. Telefone: (12)3834-1449

PAT Ilhabela
Rua Prefeito Mariano Procópio de Araújo Carvalho, 128, Perequê
Telefone: (12)3892-9200

Obra
Novo pier terá 1,9 mil metros de extensão, a 600 metros da praia. Objetivo é melhorar a logística do transporte de petróleo do litoral até as refinarias da Petrobras, entre elas, a Revap de São José, além de melhorar o fluxo de embarcações

Emprego
Construção civil vai contratar na região
Obras previstas para este ano no Vale do Paraíba devem empregar 6.500 pessoas no setor da construção civil, sem contar serviços em empreendimentos residenciais. Em Jacareí, a instalação das empresas chinesas Sany e Chery deverão empregar, juntas, 3.500 pessoas. Já o Via Vale Shopping, em Taubaté, tem previsão de contratar 3.000 trabalhadores em sua obra.

Arthur Costa
São José dos Campos

Fonte: O Vale

Link permanente para este artigo: http://evidenciaqualidade.com/?p=1874